segunda-feira, 14 de março de 2011

PRECISAMOS DE MAIS. POR ELAINE

Um primeiro tempo fraco e sem emoções num jogo onde a torcida rubro-negra mais uma vez mostrou porque é a mais linda e mais fiel de todas! Levamos um susto aos 29 minutos do primeiro tempo, quando Renan foi driblado, e Rafael Santos evitou o gol milagrosamente! O restante da primeira etapa seguiu sem emoções, a não ser pelas tentativas perigosas do Azulão. Me surpreendi com Renan, que realizou algumas belas defesas e espero que agora tenhamos finalmente um goleiro titular. Sou suspeita em falar do Mádson, pra mim o time titular é Mádson e mais onze. O baixinho tem ótima visão de jogo, bom toque, tem velocidade e ainda chuta bem de longe. E uma coisa tem que ser comentada: Nieto é muito, mas muito sortudo! E se a sorte continuar com ele, porquê não confiar mais no cara? Guerrón fez um belo gol, apesar de apresentar sempre a mesma “correria”. No segundo gol do Azulão, Gabriel foi extremamente lento, nem viu a cor da bola. Alê não tem futebol pra jogar no CAP, não combate com raça, precisamos de um primeiro volante que saiba combater e sair com a bola. Entre ele e Vítor, sou mais o segundo. Enfim, o segundo tempo foi de um toque de bola melhorzinho, com mais chances de gol e bons chutes. Mas ainda falta tanto! Falta uma diretoria que respeite de verdade nossa torcida. Que use como exemplo nossa paixão inexplicável por essas cores e esse escudo e tome vergonha na cara! Que corra atrás do melhor, que tenha um planejamento, uma organização. Que seja competente e busque reforços que honrem nossa camisa. Queremos um time entrosado em campo e, principalmente, que sejam guerreiros vestindo a camisa com amor e respeito. Nós nunca abandonaremos nosso Furacão, e sempre vestiremos o Manto Sagrado com orgulho. E você, MM? SRN e ótima semana! @elainenovak

Um comentário:

Giu disse...

Lã,
Faltou você lá em Irati!

Feio está nosso time!

Gabriel é lento mesmo, o bicho não corre.

Alê é fraco demais na marcação, sempre da o bote errado.

Kleberson, pelo amor de Deus, não é nem sombra daquele xaropinho que jogou aqui em 2001.

A torcida deu um show em Irati, mostrou-se indignada e a TOF acordou e resolveu protestar contra a diretoria, mais precisamente, contra o sr. Ocimar Batista Bolicenho. Acho que as coisas vão começar a melhorar agora.

Ahhhh, mas sem time fica dificil, o resultado disfarça um pouco, mas se continuarmos com este futebolsinho, olha, não sei não.

Beijos menina,
#SejaFeliz

@GiulianoAlmeida